Notícias

Rede de comunicação: Serial Versus Ethernet

22/07/2019
Vaisala
A comunicação serial têm sido tradicionalmente utilizada na automação predial para conectar diversos equipamentos, tais como sensores, controladores e registradores de dados à sistemas de supervisão e controle, comumente conhecidos como BMS (Building Management System) ou Sistema de Gestão Predial. 
Algumas características da comunicação serial, como distância máxima da rede, acessibilidade,  quantidade de dispositivos em uma rede única, velocidade de transmissão, entre outras, gerou uma demanda por um meio de comunicação mais flexível.
 
Com ascendente demanda, a Ethernet se consolida cada vez mais como o padrão de comunicação no segmento da automação predial. A eficácia traz benefícios tangíveis, solução para a maioria das aplicações e promessa simples de escalabilidade para todas as topologias e tamanhos de redes.
 
Deste modo, qual meio de transmissão de dados escolher? Nos quadros abaixo, iremos destacar algumas vantagens e desvantagens dos meios físicos de comunicação RS485 e Ethernet, para ajudar na sua escolha.
 
TECNOLOGIA SERIAL
VANTAGENS DESVANTAGENS
Instalação simplificada: equipamentos interligados por três cabos de modo paralelo, um após o outro ( topologia de rede Daisy-Chain); Não é possível utilizar dois ou mais protocolos de comunicação simultaneamente;
Equipamentos apenas com porta serial possuem valor inferior ao de equipamentos com tecnologia ethernet; Baixa velocidade de transmissão de dados. É possível utilizar velocidades até 115 Kbit/s, mas a perda de dados acontece facilmente durante transferências em longas distâncias;
Fácil comissionamento; Número limitado de dispositivos por rede, por exemplo: BACnet 128 e Modbus 254 elementos;
Menor infraestrutura de rede necessária. Distância de rede limitada em até aproximadamente 1200 metros, com a necessidade de utilização de repetidores e de acordo com número de dispositivos.
TECNOLOGIA ETHERNET
VANTAGENS DESVANTAGENS
Velocidades de transmissão de dados de até 10 Gbit/s* (no padrão IEEE 802.3ae); Valor de investimento com periféricos (Switch, hubs, etc.);
Numero de dispositivos praticamente ilimitado; Necessita de conhecimento especifico sobre redes;
Possibilidade de múltiplos protocolos operando no mesmo meio físico; Demanda de maior infraestrutura mínima para funcionamento da rede;
Acesso a todas as configurações do equipamento remotamente;  
Disponibiliza mais e melhores ferramentas para gerenciamento da rede.  

A Mercato possui linhas de controladores, dedicados para controle de AVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado) e para medição e rateio de energia, que possuem as tecnologias serial e ethernet embarcadas, onde a engenharia busca facilitar  a integração dos controladores em sistemas de supervisão. Para conhecer nossas linhas de controladores e ter conhecimento sobre as inovações da Mercato em automação visite o nosso site www.mercatoautomacao.com.br
 

Guilherme Borges  Por: Michel Albiero, Suporte Técnico | suporte@mercatoautomacao.com.br

Notícias Relacionadas

Matriz Canoas

Rua Capistrano de Abreu, 89. Bairro Niterói
Canoas, RS - Brasil | Cep 92120-130
Fone: +55 [51] 3115.9850
Fone: +55 [51] 3032.1777
Fone: +55 [51] 3478.MERC
Atendimento: Seg à Sex 8:00 às 18:00
comercial@mercatoautomacao.com.br

Escritório São Paulo

Av. Paulista, 726, 17º Andar, Cj 1727. Bela Vista
São Paulo, SP - Brasil | Cep: 01310-910
Fone:+55 [11] 4506-3237
Atendimento: Somente com hora marcada.